Pagamentos à vista representaram 83% das compras de passagens rodoviárias

 Pagamentos à vista representaram 83% das compras de passagens rodoviárias

Para o CFO da empresa, o crescimento da modalidade demonstra planejamento para viajar

De acordo com levantamento realizado pela ClickBus, marketplace de passagens rodoviárias, os pagamentos via Pix representaram mais da metade do volume de vendas realizadas pela plataforma durante alguns dias do mês de dezembro. O uso do método está entre as tendências para 2023. É o que mostra o “Carat Insights – Tendências dos Meios de Pagamento para 2023” da Fiserv, empresa de tecnologia de pagamentos e serviços financeiros.

Segundo a empresa, que teve seu recorde de vendas registrado no dia 20 de dezembro de 2022, os pagamentos à vista (pix, cartão de crédito à vista ou transferência) tiveram um crescimento de 2 pontos percentuais na sua participação ao longo do ano, sendo responsável por cerca de 83% das compras de passagens.

De acordo com análises da companhia, as compras parceladas tiveram um crescimento de 32% durante todo o ano de 2022, porém foi notada uma queda no share de compras parceladas no ano de 2 pontos percentuais, fechando o ano com uma participação de apenas 17% de todas as vendas realizadas pela plataforma.

Para o CFO da empresa, Felipe Vanzelli, o crescimento dos pagamentos à vista mostram que as pessoas estão se planejando cada vez mais para viajar. “Sabemos que uma viagem demanda um certo planejamento, tanto de roteiro e destino quanto planejamento financeiro. No setor rodoviário, com os preços mais baixos das passagens as pessoas têm a possibilidade de prever melhor os seus gastos, dado que não há muita flutuação de preço e com isso evitam o uso do cartão de crédito, que é um dos grandes vilões do endividamento dos brasileiros”, comenta.

Imagem: Divulgação